FAÇA PARTE DA NOSSA FAMÍLIA "SIGAM-ME OS BONS"

ANUNCIE AQUI!!!

sexta-feira, abril 23, 2010

Homem espanca mulher que se recusou a ter relações sexuais sem camisinha em Santa Rita-PB

Foto Ilustrativa
Um homem foi preso nesta quinta-feira (22), em Santa Rita-PB, por haver espancado a mulher que não permitiu ter relações sexuais com ele sem o uso de camisinha. O vidraceiro José Moreira Gonçalves, 40 anos, provocou sangramento na esposa, cujo nome a polícia não revelou.
Diante da recusa da mulher, de ter relações sexuais sem camisinha, José Moreira irritou-se e esmurrou a mulher provocando sangramento no nariz dela.
A agressão aconteceu no Conjunto Marcos Moura, no município de Santa Rita-PB (Região Metropolitana de João Pessoa-PB).
Na delegacia de polícia a mulher contou que estava dormindo e despertou com o marido ávido por ter relações sexuais. Exigiu, no entanto, que ele usasse camisinha. “Eu disse a ele que estava sem camisinha e que sem camisinha não faria. Mas ele começou a me espancar e também tentou me estrangular", contou a mulher.
Ela acrescentou que a filha menor acordou com os seus gritos. A essa altura o nariz já sangrava de forma abundante. Mesmo assim, ela conseguiu por a filha para dormir e foi para a casa da irmã.
Ela disse que essa foi a primeira grande agressão que sofreu do marido, mas revelou que já aconteceu dele lhe dar um soco e também de colocar a faca no pescoço dela fazendo ameaças.
Após denunciar a agressão à polícia, ela foi levada para fazer exames de corpo de delito na Gerência Executiva de Medicina e Odontologia Legal e o marido dela foi autuado em flagrante pela Lei Maria da Penha e levado para o Presídio Padrão, em Santa Rita-PB, por agressão.
Fonte: Wellington Farias

Um comentário:

THEO DE BRITTO disse...

É....INFELIZMENTE, em pleno Século XXI, ainda temos dessas Aberrações e Hipotomias da mais alta categória. Isso porquê, a LEI MARIA DE PENHA, ainda é um Manjá dos Deuses para esses Trogloditas.Indivíduos sem a mínima condição de viver em SOCIEDADE. Se é que o mesmo sabe, pelo menos o que é isso(Sociedade).